Aposentadoria verde: alternativa de previdência rentável

helix aposentadoria verde alternativa de previdência rentável

Aposentadoria Verde

R$ 244,2 bi é o déficit que será gerado caso a proposta de orçamento governamental de 2020 seja aprovado pela Câmara, considerando a reforma da previdência. Nesta nova proposta da previdência, estima-se que o INSS terá um rombo de R$ 28,3 bilhões, colocando, assim, em risco a aposentadoria.

Neste cenário crítico temos uma única certeza: não poderemos contar com a previdência social para se aposentar. Por isso a aposentadoria verde se mostra como uma alternativa rentável e vantajosa para aqueles que desejam garantir uma reserva para a longevidade.

Aposentadorias Tradicionais x Aposentadoria Verde

Partindo desta realidade, precisamos analisar outras opções de previdência se desejamos ter uma aposentadoria confortável.

Atualmente a previdência privada é a escolha mais recorrente dos brasileiros. Porém, ela costuma ser um produto muito caro para o investidor devido à incidência de taxa de carregamento de entrada e saída, gerando a incerteza de que parte desse dinheiro aplicado nem chegue a ser investido de fato.

Além disso, geralmente os grandes bancos têm taxas de administração maiores nos planos de previdência do que em outros produtos financeiros ou em seguradoras independentes. Esta cobrança não deveria acontecer, já que esses planos têm políticas de investimento engessadas e conservadoras, não havendo risco como é caso de ações que possui tal cobrança.

Outra desvantagem da previdência privada é a alta tributação para planos VGBL (Vida Garantidor de Benefício Livre). “No pior cenário, para quem pensa em fazer um resgate único de todo dinheiro aplicado, a alíquota cobrada de IR será de 27,5% sobre a rentabilidade para quem está na tabela progressiva de tributação”, aponta Annalisa Blando dal Zotto, planejadora financeira e sócia da assessoria de investimentos Parmais em entrevista para a InfoMoney.

“Já no melhor cenário, com a tabela regressiva de tributação, o IR será de 10%, mas o prazo médio dos aportes precisará ser superior a dez anos, algo que raramente acontecerá. Outros produtos de renda fixa têm uma cobrança de imposto de renda muito menor e mais vantajosa, chegando a 15% em apenas dois anos”, complementa a planejadora.

Por isso é importante considerar alternativas que podem ser mais interessantes.

O que é a aposentadoria verde?

Uma alternativa rentável e ainda pouco divulgada é a aposentadoria verde. “O setor florestal brasileiro movimenta mais de US$ 132 bilhões anualmente e está em crescimento, em níveis internacionais é responsável por 2% do PIB mundial”, de acordo com Prof. Dr. Ricardo Berger e Prof. Dr. João Batista Padilha da Universidade Federal do Paraná no artigo Administração Estratégica da Produção.

Com as exigências rigorosas quanto à certificação de procedência e a pressão para a redução do corte de árvores nativas, a demanda tem crescido e a oferta continua pequena.

Cenário Favorável para a Aposentadoria Verde

O mercado de madeiras nobres no Brasil tem se mantido aquecido. De 2002 a 2007, houve um aumento de 83% no preço das madeiras e esta tendência está se mantendo, segundo o índice do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea).

Mas a produção de madeira no país tem caído. Em 2018, foram produzidos aproximadamente 10 milhões de metros cúbicos (m³) de madeira, número que deve baixar para 5 milhões de m³ até 2030, segundo o Serviço Florestal Brasileiro (SFB). Mas até lá a demanda deve evoluir para 21 milhões gerando um déficit de 16 milhões de m³.

Esse fenômeno caracterizado pela diminuição de áreas privadas para produção e extração de madeira devido a pressões na Amazônia, paralelamente ao aumento na demanda por madeiras nobres serradas, é denominado é “apagão florestal”.

Apagão florestal

Devido ao apagão florestal, o plantio das madeiras nobres se apresenta como um bom negócio e isso tem estimulado iniciativas de empreendedorismo florestal, que consistem em garantir ao produtor a expansão de suas fontes de renda, principalmente a médio e longo prazo. Essa ação é chamada de aposentadoria verde, que além de ser rentável, também é sustentável.

Afinal, a aposentadoria verde visa um desenvolvimento que não implica na destruição da natureza. As florestas artificiais de alta produtividade precisam existir e devem ser bem manejadas, para que sejam sustentáveis. Respeitando as regras mínimas de convivência com a natureza, é possível obter lucros e garantir a sobrevivência das futuras gerações.

Mogno Africano: o ouro verde da aposentadoria

O protagonista da aposentadoria verde tem sido o reflorestamento com o mogno africano, que é destinado à fabricação de movelaria fina.

O mogno africano chegou ao Brasil pelo ministro da agricultura da Costa do Marfim em 1977. Uma comitiva visitou a região amazônica e passou pela sede da Embrapa Oriental, em Belém do Pará (PA). O ministro entregou sementes da árvore para o pesquisador Ítalo Cláudio Falesi e disse a ele que aquilo era puro ouro verde.

Um hectare plantado com mogno africano, após 12 anos, teria um custo de R$ 81.573,57 e, neste mesmo período, o retorno por hectare é de aproximadamente, de R$ 236.334,00. No corte final cada árvore de mogno africano produz em torno de 0,8 metros cúbicos de madeira. Ao longo de 17 anos, a receita do produtor pode superar os R$ 500 mil.

Vantagens

A vantagem desta madeira também se dá pelo fato de ter um baixo potencial de ser atacada por pragas e doenças. Os principais problemas são as formigas cortadeiras e o mato que pode abafar e roubar os nutrientes da planta. Mas se o produtor fizer um trabalho preventivo, o mogno africano terá um custo baixo para quem o produz.

Outra vantagem do mogno africano é que ele é um produto tipo exportação, principalmente para mercados europeus e americanos. Produtores menores localizados em polos produtivos ou próximo ao mercado local, poderá encontrar oportunidades de abastecimento regional.

Assim, percebemos que a aposentadoria verde é uma alternativa mais rentável, comparada com as demais previdências tradicionais que os brasileiros estão acostumados investir, principalmente se a aposentadoria verde usar como investimento principal o mogno africano.

Para saber mais sobre a lucratividade do mogno africano, baixe nossa planilha gratuita de investimento em Mogno Africano.