Simule seu investimento em mogno africano no Polo Florestal: Simular

Qualificado como uma madeira nobre, o Mogno Africano é uma opção de investimento a longo prazo, cultivo descomplicado e bom retorno financeiro

Qualificado como uma madeira nobre, o Mogno Africano (Khaya grandifoliola) é uma opção de investimento a longo prazo, cultivo descomplicado e bom retorno financeiro.

O Mogno Africano é parente do Mogno Brasileiro, porém possui características mais positivas e facilitadas comparado a espécie nativa, quando o assunto é o reflorestamento comercial. A espécie oriunda do continente africano, não sofre restrições de cortes por ser exótica e veio para suprir a demanda do mercado por madeira valorizada.

Investimento a longo prazo e manejo do Mogno Africano

O cultivo do mogno africano pode ser descomplicado e trazer bom rendimento, alcançando o melhor retorno financeiro em torno de 17 a 25 anos após o plantio.

O investimento inicial gira em torno de R$ 40.000,00 por hectare que corresponde ao preparo das mudas no viveiro até a expedição para a fazenda de plantio. O retorno financeiro que é de longo prazo, pode superar R$1,5 milhões. Ao longo do ciclo da floresta, são realizados alguns desbastes de manejo. O payback do investimento, ou seja, retorno do capital investido, ocorre em seu penúltimo corte, por volta do 13º ano de floresta (idade em que a árvore alcança a maturidade biológico e tem seu cerne formado).

banner-rodape-infografico-3

Outra vantagem da cultura são as atividades de manutenção que são consideradas simples, o que reduz significativamente os custos ao longo dos anos. Contudo, um cuidado para estar atento durante o cultivo, é a ocorrência de cupins e formigas cortadeiras, que se administrados corretamente não trazem prejuízos significativos ao produto final. No geral, as pragas e doenças do mogno africano são de fácil controle e passíveis de serem prevenidas na etapa pré-plantio.

Ao realizar a implantação, defina o espaçamento entre as árvores para obter a maior lucratividade do negócio florestal. Assim, o espaçamento considerado ideal para produção de madeira para serraria, é aquele que atinge boa produtividade e qualidade da madeira extraída pelo menor custo ao investidor.

Plantação no Polo Florestal de Pompéu, MG

Uma das regiões para o plantio do Mogno Africano é em Minas Gerais, mais precisamente no Polo Florestal de Pompéu. O local, conhecido pelo cultivo de eucalipto, agora já registra inúmeros hectares do plantio do Mogno Africano, contribuindo para a aptidão florestal local.

O IBFlorestas administra na região inúmeros hectares de diversos investidores e aponta vantagens logísticas e comerciais para o escoamento da madeira.

A região possui grandes fazendas com áreas desenvolvidas e altos índices de produtividade, com solo e clima favoráveis para a silvicultura. 

Ademais, outro diferencial do cultivo do Mogno Africano em Pompéu é o custo reduzido, uma vez que o cultivo é realizado em grande escala e a equipe de produção desenvolve o trabalho em todas as áreas.

Para o plantio em Pompéu, MG, o IBFlorestas desenvolveu um projeto de investimento a longo prazo que inclui todas as etapas de um reflorestamento comercial profissional.

Ao fazer parte do Polo Florestal, além de se tornar um produtor de mogno africano sem precisar ser um especialista do ramo, você também se torna dono da terra. Dentre as etapas do projeto, estão:

  • Passos para a aquisição da área do plantio;
  • Contratação da floresta, incluindo o plantio, acompanhamento, manejo e corte das árvores;
  • Por fim, incentivo, suporte e orientação para comercialização da madeira.

Conheça o Aplicativo Minha Floresta para gerenciamento da sua floresta de Mogno Africano na palma de suas mãos AQUI!

Especialistas em Mogno Africano 

Formado por uma equipe de especialistas, o IBFloretas possui experiência no plantio e conhecimento de mercado da madeira de Mogno Africano. A equipe colabora para o aumento da produção de florestas em todo o país através de serviços específicos para aqueles que querem investir com segurança.

Quer investir em Mogno Africano? Entre em contato com a equipe de especialistas do IBFlorestas.